Accelerated aging test for quality evaluation of surfasse (Lactuca sativa L) and arugula seeds (Eruca sativa M)

Autores

  • T. Carlos UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO - UNEMAT.
  • L. L. Silva UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO - UNEMAT. http://orcid.org/0000-0001-9756-6139

DOI:

https://doi.org/10.36560/14120211183

Palavras-chave:

Vegetables, Vigor, Accelerated aging.

Resumo

The present work aimed to verify the efficiency of the accelerated aging test in the evaluation of the vigor of lettuce and arugula seeds. Two lots of lettuce seeds (Lactuca sativa L) and two lots of arugula seeds (Eruca sativa M) were used, submitted to germination and accelerated aging tests, using the exposure periods of 48, 72 and 96 hours, at a temperature of 42ºC, with and without the use of saturated solution and saline solution of NaCl, the experimental design used was a completely randomized design (DIC), composed of three replications in a 2x3x3 factorial scheme for the studied cultivars. The accelerated aging test is efficient to demonstrate the vigor of lettuce and arugula seeds, and the exposure period of 48 hours in saline solution for lettuce and in water solution for arugula is sufficient to check the quality.

Biografia do Autor

T. Carlos, UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO - UNEMAT.

DEPARTAMENTO DE AGRONOMIA.

L. L. Silva, UNIVERSIDADE DO ESTADO DE MATO GROSSO - UNEMAT.

DEPARTAMENTO DE AGRONOMIA.

Referências

ALVES, S. Z.; SÃ, M. E. Adequação da metodologia do teste de envelhecimento acelerado em sementes de rúcula. Semina: Ciências Agrárias, Londrina, v. 33, suplemento 1, p. 2789-2798, 2012.

ÃVILA, P. F. V.; VILLELA, F. A.; ÃVILA, M.S. V. TESTE de envelhecimento acelerado para avaliação do potencial Fisiológico de sementes de rabanete. Revista Brasileira de Sementes, vol. 28, nº 3, p.52-58, 2006.

BHÉRING, M.C.; DIAS, D.C.F.S.; VIDIGAL, D.S.; NAVEIRA, D.S.P. Teste de envelhecimento acelerado em sementes de pimenta. Revista Brasileira de Sementes, v.28, n.3, p.64-71, 2006.

BINOTTI, F.F.S.; HAGA, K.I.; CARDOSO, E.D.; ALVES, C.Z.; SÃ, M.E.; ARF, O. Efeito do período de envelhecimento acelerado no teste de condutividade elétrica e na qualidade fisiológica de sementes de feijão. Acta Scientiarum, v.30, n.2, p.247-254, 2008.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Regras para análise de sementes. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Secretaria de Defesa Agropecuária. Brasília, DF: Mapa/ACS, 395p. 2009.

COSTA, C.J.; TRZECIAK, M.B.; VILLELA, F.A. Potencial fisiológico de sementes de brássicas com ênfase no teste de envelhecimento acelerado. Horticultura Brasileira, v. 26: p. 144-148, 2008.

FRAZÃO, V. N. Efeito de extratos aquosos de plantas espontâneas do cerrado sobre a germinação de três gramíneas. 2012. 29 f. Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) apresentado ao Departamento de Agronomia da Universidade do Estado de Mato Grosso - Campus de Nova Xavantina. 2012.

GUEDES, R. S.; ALVES, E. U.; GONÇALVES, E. P.; VIANA, J. S.; BRUNO, R. L. A.; COLARES, P. N. Q.; Resposta fisiológica de sementes de Erythrina velutina Willd. ao envelhecimento acelerado. Semina: Ciências Agrárias, Londrina, v. 30, n. 2, p. 323-330. 2009.

MARCOS FILHO J. Teste de envelhecimento acelerado. In: KRZYZANOWSKI FC; VIEIRA RD; FRANÇA-NETO JB (eds). Vigor de sementes: conceitos e testes. Londrina: ABRATES. p. 3.1-3.24. 1999b

MARCOS FILHO, J. Testes de vigor: importância e utilização. In: KRZYZANOWSKI, F. C.; VIEIRA, R.D.; FRANÇA NETO, J. B. (Ed.). Vigor de sementes: conceitos e testes. Londrina: ABRATES, p. 1-21. 1999a.

MELLO, S. C.; SPINOLA, M. C. M.; MINAMI, K. Métodos de avaliação da qualidade fisiológica de sementes de brócolos. Scientia Agricola. [online]. 1999, vol.56, n.4, p. 1151-1155. 1999.

NASCIMENTO, W.M.; PEREIRA, R.S. Testes para avaliação do potencial fisiológico de sementes de alface e sua relação com a germinação sob temperaturas adversas. Revista Brasileira de Sementes, v.29, n.3, p.175-179, 2007.

PIRES, P. A.; GONÇALVES, F.M.; SANTOS, J. S.; HORA, R.C. Resposta de rúcula Folha Larga à aplicação de potássio sob diferentes parcelamentos. Cascavel, v.5, n.1, p.96-103, 2012.

RODO, A. BROD.; PANOBIANCO, M.; MARCOS FILHO, J. Metodologia alternativa do teste de envelhecimento acelerado para sementes de cenoura. Scientia Agricola, v.57, n.2, p.289-292, 2000.

SALA, F. C.; COSTA, C.P.; YAÑEZ, L. D. D. T.; BLAT, S. F. Reação de alface à murchadeira (Thielaviopsis basicola). Horticultura Brasileira, v.21, n.2, p.336, 2003.

SANTOS, C.M.R.; MENEZES, N.L.; VILLELA, F.A. Alterações fisiológicas e bioquímicas em sementes de feijão envelhecidas artificialmente. Revista Brasileira de Sementes, v.26, n.1, p.110-119, 2004.

SANTOS, F.; TRANI, P. E.; MEDINA, P. F.; PARISI, J. J. D. Teste de envelhecimento acelerado para avaliação da qualidade de sementes de alface e almeirão. Revista Brasileira de Sementes, vol. 33, nº 2 p. 322 - 323, 2011.

TORRES, S. B.; BEZERRA NETO, F. Teste de envelhecimento acelerado para avaliação do potencial fisiológico de sementes de urucum. Horticultura Brasileira, v.27, n.1, p.55-58, 2009.

Downloads

Publicado

2021-01-02

Como Citar

Carlos, T., & Silva, L. L. (2021). Accelerated aging test for quality evaluation of surfasse (Lactuca sativa L) and arugula seeds (Eruca sativa M). Scientific Electronic Archives, 14(1), 1–7. https://doi.org/10.36560/14120211183

Edição

Seção

Agricultural Science