Biometry of fruit, germination and morphogenesis in vitro of citrus after asepsis of seeds in different concentrations of sodium hypochlorite

Autores

  • D. Santos Licenciatura em Ciências Biológicas do Instituto Federal Goiano Campus Urutaí-GO; Escola Família Agrícola de Orizona, Estado de Goiás
  • W. J. Pereira Técnico em Agropecuária pela Escola Família Agrícola de Orizona (EFAORI) e discente do Curso de Bacharelado em Agronomia do Instituto Federal Goiano - Campus Urutaí.
  • D. S. Miranda Ensino Profissional de nível técnico em Técnico Integrado em Agroindústria pelo Instituto Federal de Goiás - Campus Aparecida de Goiânia, Brasil(2015). Acadêmica em Agronomia do Instituto Federal Goiano Campus Urutaí-GO.
  • J. L. C. Souza Engenheira Agrônoma; Mestranda pela Escola de Agronomia da Universidade Federal de Goiás.
  • L. A. Borges Doutorado em Fitotecnia pela Universidade de São Paulo, Brasil(2013) Pós-doutoranda da Universidade de São Paulo , Brasil.
  • M. S. P. Paula Mestrado em Fitotecnia pela Universidade Federal de Uberlândia; Graduação em Agronomia pelo Instituto Federal Goiano - campus Urutaí, Brasil(2015).
  • M. C. Vieira INSTITUTO FEDERAL GOIANO CAMPUS URUTAI-GO

DOI:

https://doi.org/10.36560/1332020831

Palavras-chave:

In vitro culture, lime, lemon

Resumo

In tissue culture it is necessary to use seeds of good quality and free of pathogens in order to avoid damages in the work to be carried out in the laboratory. Therefore, strict cleaning of the seeds intended for in vitro cultivation is essential. Thus, the objective of this study was to evaluate fruit biometry, germination and morphogenesis of 'Cravo' (Citrus limonia Osbeck) and Persia Lima (Citrus aurantium) seeds in vitro submitted to different concentrations of NaClO for asepsis. Fruits of 'Cravo' lemon and Lima of Persia. Subsequently, they were transported to the Biotechnology Laboratory of the Goiano Federal Institute Campus Urutaí-GO, where they performed the biometric characterization of the fruits. The seeds of these fruits were submitted to treatment with sodium hypochlorite solution in different concentrations: 0,0; 1.0; 1.5; 2.0 and 2.5% for 10 minutes, constituting then five treatments for each variety and placed in an acclimatized growth room to analyze the results. The variables evaluated were: biometry of fruits and seedlings; oxidation indexes; germination; contamination; and types of contamination. NaClO doses were compared from 95% confidence intervals. The analyzes were performed using the glm () function of software R version 3.4.1. It was verified that the aseptic treatment with NaClO for lime and lemon was promising for the morphological processes of germination and development of seedlings, as well as for the control of contaminating agents in vitro.

Biografia do Autor

D. Santos, Licenciatura em Ciências Biológicas do Instituto Federal Goiano Campus Urutaí-GO; Escola Família Agrícola de Orizona, Estado de Goiás

Licenciatura em Ciências Biológicas e Professor da Escola Família Agrícola de Orizona (EFAORI), Estado de Goiás

W. J. Pereira, Técnico em Agropecuária pela Escola Família Agrícola de Orizona (EFAORI) e discente do Curso de Bacharelado em Agronomia do Instituto Federal Goiano - Campus Urutaí.

Técnico em Agropecuária pela Escola Família Agrícola de Orizona (EFAORI) e discente do Curso de Bacharelado em Agronomia do Instituto Federal Goiano - Campus Urutaí.

D. S. Miranda, Ensino Profissional de nível técnico em Técnico Integrado em Agroindústria pelo Instituto Federal de Goiás - Campus Aparecida de Goiânia, Brasil(2015). Acadêmica em Agronomia do Instituto Federal Goiano Campus Urutaí-GO.

Ensino Profissional de nível técnico em Técnico Integrado em Agroindústria pelo Instituto Federal de Goiás - Campus Aparecida de Goiânia, Brasil(2015).
Acadêmica em Agronomia do Instituto Federal Goiano Campus Urutaí-GO.

J. L. C. Souza, Engenheira Agrônoma; Mestranda pela Escola de Agronomia da Universidade Federal de Goiás.

Engenheira Agrônoma; Mestranda pela Escola de Agronomia da Universidade Federal de Goiás.

L. A. Borges, Doutorado em Fitotecnia pela Universidade de São Paulo, Brasil(2013) Pós-doutoranda da Universidade de São Paulo , Brasil.

Doutorado em Fitotecnia pela Universidade de São Paulo, Brasil(2013)
Pós-doutoranda da Universidade de São Paulo , Brasil.

M. S. P. Paula, Mestrado em Fitotecnia pela Universidade Federal de Uberlândia; Graduação em Agronomia pelo Instituto Federal Goiano - campus Urutaí, Brasil(2015).

Mestrado em Fitotecnia pela Universidade Federal de Uberlândia;
Graduação em Agronomia pelo Instituto Federal Goiano - campus Urutaí, Brasil(2015).

M. C. Vieira, INSTITUTO FEDERAL GOIANO CAMPUS URUTAI-GO

Doutora em Agronomia, área de concentração Produção Vegetal, pela Universidade Federal de Goiás (2014), Mestrado em Agronomia (Produção Vegetal) pela Universidade Federal de Goiás (2011). Especialização em Docência Superior (FAC-Lions-UNITINS-2009); Especialização em Desenvolvimento Sustentável e Meio Ambiente (Universidade Estadual de Goiás - 2011); Especialização em Biotecnologia Aplicada a Agroindústria (Universidade Estadual de Maringá - 2014). Graduação em Agronomia pela Universidade Estadual de Goiás (2005). Professora colaboradora de Biotecnologia e Responsável pelo Laboratório de Biotecnologia do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano. Possui experiência na área de Agronomia, com ênfase em Produção Vegetal e Biotecnologia, atuando principalmente nos seguintes temas: Cerrado, nativas, Cultura de Tecidos Vegetais com florestais nativas, frutíferas e ornamentais; Meio ambiente; Educação Ambiental, Desenvolvimento Sustentável.

Referências

ADAMS, C. R., KLEIN, C. Uso de biofilmes na conservação pós-colheita de lima-da-pérsia (Citrus limettioides Tnanaka). Unoesc & Ciência – ACET 9: 85-92, 2018.

BIANCHI, V. J., CHAVES, A. C., SCHUCH, M. W., FACHINELLO, J. C. Estabelecimento in vitro de marmeleiro: efeito do tipo de explante e tempo de imersão em Hipoclorito de Sódio. Revista Brasileira de Agrociência 9: 177-179, 2003.

CALDAS, L. S., HARIDASAN, P., FERREIRA, M. E. Cultura de tecidos e transformação genética de plantas. Embrapa-SPI/Embrapa-CNPH, Brasília, Brasil, p.87-116, 1998.

CANÇADO, G. M. A., RIVEIRO, A. P., FREITAS, G. F., SÃ, M. E. L., SILVA, H. E., PASQUAL, M., VAL, A. D. B., NUNES, C. F. Cultivo de plantas in vitro e suas aplicações. Informe Agropecuário 30: 64-74, 2009.

CARVALHO, N.M., NAKAGAWA, J. Sementes: ciência, tecnologia e produção. FUNEP, Jaboticabal, Brasil.. 588 p. 2000.

CID, L. P. B., TEIXEIRA, J. B. Oxidação fenólica, Vitrificação e Variação Somaclonal. In: CID, L. P. B. Cultivo in vitro de plantas. Embrapa Informação Tecnológica, Brasília, Brasil, p. 51-66, 2014.

FERMINO JUNIOR, P. C. P., NAGAO, E. O., SCHERWINSKI-PEREIRA, J. E. Estabelecimento, germinação e multiplicação in vitro de teca (Tectona grandis L.f.) a partir de genótipos da Amazônia Sul-Ocidental. Scientia Forestalis 37: 427-435, 2009.

FIGUEIREDO, J. O., NEGRI, J. D., MATTOS JUNIOR, D., PIO, R. M., LARANJEIRA, F. F., GARCIA, V. X. P. Comportamento de catorze porta-enxertos para o limão eureca KM 47 na região de Araraquara-SP. Revista Brasileira de Fruticultura 27: 73-76, 2005.

FIGUEIREDO, J. O., POMPEU JÚNIOR., RODRIGUEZ, O., IGUE, T. Estudo das características físicas e químicas de tangor-murcote em cinco porta-enxertos. Bragantia 34: 39-42, 1975.

GUERRA, D., SCHIFINO-WITTMANN., SCHWARS, S. F., SOUZA, P. V. D., WEILER, R. L. Caracterização morfológica, determinação do número de embriões e taxa de poliembrionia em três porta-enxertos híbridos de citros. Bragantia 71: 196-201, 2012.

PRADO, J. B.; SANTOS, T. G.; VIEIRA, C.; ATAIDES, A. S. C.; SOUZA, E. R. B. Desenvolvimento de Protocolo de Assepsia Para Cultivo In Vitro de Lima da Pérsia. In: Anais...XXIII Congresso Brasileiro de Fruticultura. Cuiabá-MT, 2014

R Core Team, R: A Language and Environment for Statistical Computing. R Foundation for Statistical Computing, Vienna, (2018).

ROCHA, S. C. Micropropagação da canjarana (Cabralea canjerana). 74f. (Dissertação de Mestrado) - Universidade Federal do Paraná, Curitiba, Brasil, 2005.

ROCHA, S. C., QUORIM, M., RIBAS, L. L. F., KOEHLE, H. S. Micropropagation of Cabralea canjerana Revista Arvore. Viçosa-MG, v.31, n.1, p.43-50, 2007.

SCHWARZ, S. F., SOUZA, E. L. S., OLIVEIRA, R. P. Características das variedades copa. In: SOUZA, P. V. D., SOUZA, E. L. S., OLIVEIRA, R. P., BONINE, D. P. (Ed.). Indicações técnicas para a citricultura do Rio Grande do Sul. Porto Alegre: Fepagro, 2010. p. 31-43.

SAIRAM, R., AL-ABED, D., JOHNSON, J., MUSZYNSKI, M. G., RAAB, M., REDDY, V., T. , GOLDMAN, S. In: KOLE, C., HALL, T. C. Compendium of transgenic crop plants: transgenic cereals and forage grasses. Wiley-Blackwell, Oxford, USA. p.49-82, 2008.

Downloads

Publicado

2020-03-01

Como Citar

Santos, D., Pereira, W. J., Miranda, D. S., Souza, J. L. C., Borges, L. A., Paula, M. S. P., & Vieira, M. C. (2020). Biometry of fruit, germination and morphogenesis in vitro of citrus after asepsis of seeds in different concentrations of sodium hypochlorite. Scientific Electronic Archives, 13(3), 14–23. https://doi.org/10.36560/1332020831

Edição

Seção

Agricultural Science

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

> >>