Perspective of nursing professionals on the discharge of patients suffering from recurrent myocardial infarction

W. S. Oliveira, J. R. Soares Júnior, S. R. O. Maier, C. A. S. Flores, G. A. S. Moser, D. C. M. Aguiar, G. A. Sudré

Resumo


the present study aims to understand how nursing professionals develop their care activities in face of the victim of recurrent acute myocardial infarction in the discharge process from the specialized intensive care unit. It is a research with a qualitative approach anchored in the methodological precepts of Convergent Care Research (PCA), articulating intervention and assistance, divided into two complementary phases, with five professionals working in the coronary intensive care unit of a hospital in the south of Mato Grosso . The data were collected through interviews with the use of a semi-structured script prepared by the authors. From the transcription of the interviews, categories of analysis emerged: “The development of technical knowledge and the execution of routine” and “Praxis and the need for advances in scientific nursing knowledge”. In addition to the assistance aspect, it was possible to understand, through the statements made explicit throughout the study, the absence of the professional nurse in the care process, since they were mentioned in a correlated way with the institutional routines and not as the main agents that propagate health care. care and guidance, especially at discharge from the unit. Thus, it is suggested the planning of the discharge process of the unit, with proper structuring capable of showing the interprofessionality between the care teams working in the unit, and in the context of nursing, its technical-scientific role.


Palavras-chave


Nursing, Myocardial Infarction, Patients

Texto completo:

PDF

Referências


ALVES, T. E. et al. Atuação do enfermeiro no atendimento emergencial aos usuários acometidos de infarto agudo do miocárdio. Rev. enferm. UFPE online 7:176-183, 2013.

BEZERRA, A. A., et al. A conduta de enfermagem frente ao paciente infartado. Revista Eletrônica de Enfermagem do Centro de Estudos de Enfermagem e Nutrição, 1:1-10, 2017.

BRASIL. Ministério da Saúde (BR). Cartilhas da Política Nacional de Humanização. Cadernos de Textos. Humaniza SUS, 2008. http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/caderno_textos_cartilhas_politica_humanizacao.pdf.

BRASIL. Ministério da Saúde. Resolução CNS Nº 466 de 12 de dezembro de 2012. Conselho Nacional de Saúde, Brasília, 2012.

CARDOSO, MLAP., RAMOS, LH., D’INNOCENZO, M. Liderança Coaching: um modelo de referência para o exercício do enfermeiro-líder no contexto hospitalar. Rev. esc. enferm. USP. 45:730-737, 2016.

CERQUEIRA JUNIOR, AMS et al .Prognostic Accuracyof the GRACE Score in Octogenarians and Nonagenarians with Acute Coronary Syndromes. Arq. Bras. Cardiol., 2018.

CHIAVENATO, BN. Tratado de enfermagem médico cirúrgico. 10 ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2010

ESCOTEGUY, N.M.A. Aprendendo a cuidar em emergência hospitalar: equipe, funções e ações. Cuidando em emergência. São Caetano do Sul: São Paulo; 2005.

LIMA, GS et al . Assistência de enfermagem a um paciente infartado portador de HIV, baseada na teoria do autocuidado: estudo de caso. Acta paul. enferm., São Paulo 20:452-457, 2007 .

SIQUEIRA, ASE., SIQUEIRA-FILHO, AG., LAND, MGP. Análise do Impacto Econômico das Doenças Cardiovasculares nos Últimos Cinco Anos no Brasil. Arq. Bras. Cardiol., São Paulo 109:39-46, 2017.

SOCESP - Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo. Papel do enfermeiro na Cardiologia. 2015.http://socesp.org.br/index.php?/departamentos/Enfermagem/#.WMHzzDsrLIU.

VIEIRA, AC et al . Perception of emergency nurses in using a chest pain assessment protocol. Texto contexto - enferm. 25:183-90, 2016 .

PIEGAS, LS., TIMERMAN, A., FEITOSA, GS., NICOLAU, JC., MATOS, LAP., ANDRADE, MD., et al. V Diretriz da Sociedade Brasileira de Cardiologia sobre Tratamento do Infarto Agudo do Miocárdio com Supradesnível do Segmento ST. Arq. Bras. Cardiologia, 2015.

FERRETTI-REBUSTINI, REL., BISPO, NS., ALVES, WS., DIAS, TN., SANTORO, CM., PADILHA, KG. Level of acuity, severity an dintensity of care of adults vand older adults admitted to the Intensive Care Unit. Rev Esc Enferm USP 53:e03416, 2019.

RIBEIRO, KRA, SILVA, LP, LIMA, MLS. Knowledge of acute myocardial infarction: implications for nursingcare. Rev Enferm UFPI 5:i45546, 2016.

DUTRA, CMP., COELHO, MJ. Implante de valva mitral mecânica: reflexões para cuidar e os cuidados de clientes após a alta hospitalar. Esc. Anna Nery 2: 309-315,2006 .

PEREIRA, KM., COSTA, KNFM., OLIVEIRA, DST., VALDEVINO, SC., REZENDE, LCM., COSTA, TF. Atuação do enfermeiro no preparo para a alta hospitalar de pacientes cirúrgicos. Revista de Pesquisa Cuidado é Fundamental Online 7:1756-1764, 2015.

RIGON, E., MENDES, M., DALAZEN, JVC., SANTOS, CE., KIRSCHENER, M., TONIOLLO, CL,, FRIZON, G., ASCARI, RA. Plano de alta como estratégia para comunicação efetiva na internação hospitalar. Braz. J. Surg. Clin. Res. 2014.

DEBONA, KV. Cuidado de enfermagem centrado no homem cardiopata: proposta de um guia assistencial para a alta hospitalar. 134f. (Mestrado Profissional em Enfermagem Assistencial) - Escola de Enfermagem Aurora de Afonso Costa, Niterói, 2017.

LIMA VV. Espiral construtivista: uma metodologia avaliação de ensino-aprendizagem. Interface (Botucatu), 2017.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. 7. ed. São Paulo: Hucitec; Rio de Janeiro: ABRASCO, 2000.

TEIXEIRA, AFJ et al. Atuação da equipe de enfermagem no atendimento de emergência ao paciente com infarto agudo do miocárdio. Revista Fafibe On-Line 8: 300-309, 2015.




DOI: http://dx.doi.org/10.36560/131120201138

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Apoio:
Endereço: 
Universidade Federal de Rondonópolis
Avenida dos Estudantes, 5055 - Cidade Universitária
Rondonópolis - MT, 78735-901