Alterações na vida de acadêmicos da área da saúde em isolamento social por conta da Covid-19

Autores

  • Sirlei Favero Cetolin Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Naiara Luísa Hammes Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Simone Kelly Cetolin Centro Universitário Católica de Santa Catarina
  • Vilma Beltrame Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Luciano Fiorentin Universidade do Oeste de Santa Catarina
  • Katiana Fiorelli Universidade do Oeste de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.36560/15420221529

Palavras-chave:

Pandemia, Isolamento Social, Saúde, Biossegurança

Resumo

Introdução: Os profissionais da saúde estão sendo considerados como essenciais no enfrentamento da pandemia do novo coronavírus, ganhando merecido destaque entre o mundo das profissões. Objetivo: Foi realizado um estudo para analisar como acadêmicos de cursos de graduação da área da saúde, avaliam-se em relação a qualidade do sono e atividade física no contexto da Covid-19. Método: A pesquisa foi do tipo quantitativa e os acadêmicos foram convidados a responder a uma pesquisa online. Os questionários utilizados, foram adaptados a partir de instrumentos validados e traduzidos para a língua portuguesa, que se constituem de perguntas de múltipla escolha. PSQI – Pittsburg Sleep Quality Index, que é um questionário de auto relato que avalia a qualidade do sono em um intervalo de 1 mês. IPAQ Short - International Physicaç Activity Questionnaire Short, questionário de registro de atividade física. A pesquisa ocorreu a partir do início do mês de maio ao final do mês de julho do ano de 2020. Resultados: Participaram do estudo, 208 acadêmicos, dentre os quais, 95 estudantes da Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), Campus de São Miguel do Oeste e, 113 do Centro Universitário Católica de Santa Catarina, matriculados nos cursos de graduação: biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia e psicologia, com idade média de 24,5 anos e um desvio padrão de 7,8. Quanto ao sexo biológico, 184 mulheres e 24 homens. No período do estudo, 112 (54%) mantinham o isolamento social e só saiam de casa para atividades essenciais, 113 praticavam atividades físicas, dentre as atividades foram citadas, alongamentos 18%, caminhadas/corridas 23% e exercício com peso 16% como média geral de 3,5 dias por semana e 53 minutos por atividade. Referente ao sono, 138 (66%) declararam ter problemas com o sono. Dentre os quais, 25 (27%) informaram mais dificuldades para adormecer, 35 (17%) informaram possuir mais dificuldades em manter o sono, 40 (19%) mais insatisfação com o sono em relação ao período anterior a pandemia. Conclusão: A pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19), promoveu mudanças econômicas, sociais e políticas em todo o mundo, gerando alterações também na estrutura organizacional do ensino superior, que teve que se adequar a novas formas de distanciamento e isolamento social que garantissem os aspectos de biossegurança.

Referências

ABEL, T.; MCQUEEN, D. The COVID-19 pandemic calls for spatial distancing and social closeness: not for social distancing! Int. J. Public. Health, v. 65, n. 231, 2020. DOI: https://doi.org/10.1007/s00038-020-01366-7.

ARRUDA, E.P. Educação remota emergencial: elementos para políticas públicas na educação brasileira em tempos de Covid-19. EmRede, v. 7, n. 1, p. 257-275, 2020. Disponível em: https://www.aunirede.org.br/revista/index.php/emrede/article/view/621.

AYANIAN, J.Z. Mental Health Needs of Health Care Workers Providing Frontline COVID-19 Care: Editor’s Comment COVID-19. JAMA, v. 1, n. 4, 2020. DOI: https://DOI.org/10.1001/jamahealthforum.2020.0397.

BRASIL. Ministério da Saúde. Brasil confirma primeiro caso do novo coronavírus. 2020. Disponível em: https://www.gov.br/pt-br/noticias/saude-e-vigilancia-sanitaria/2020/02/brasil-confirma-primeiro-caso-do-novo-coronavirus. Acesso em: 26 ago. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Como se proteger? 2021. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/coronavirus/como-se-proteger. Acesso em: 26 ago. 2021.

BRASIL. Ministério da Saúde. Sintomas. 2021. Disponível em: https://www.gov.br/saude/pt-br/coronavirus/sintomas. Acesso em: 26 ago. 2021.

BRASIL. Presidência da República. Decreto № 10.211, de 30 de Janeiro de 2020. 2020. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2019-2022/2020/decreto/D10211.htm. Acesso em: 26 ago. 2021.

BUYSSE, D.J.; REYNOLDS, C.F.; MONK, T.H.; BERMAN, S.R.; KUPFER, D.J. The Pittsburgh Sleep Quality Index: a new instrument for psychiatric practice and research. Psychiatry Research, v. 28, n. 2, p. 193-213, 1989. DOI: https://doi.org/10.1016/0165-1781(89)90047-4.

CROCHEMORE-SILVA, I.; KNUTH, A.G.; WENDT, A.; NUNES, B.P.; HALLAL, P.C.; SANTOS, L.P.; HANTER, J. PELLEGRINI, D. da C.P. Prática de atividade física em meio à pandemia da COVID-19: estudo de base populacional em cidade do sul do Brasil. Ciênc. Saúde Coletiva, v. 25, p. 4249-4258, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-812320202511.29072020.

KANG, L.; LI, Y.; HU, S.; CHEN, M.; UANG, C.; YANG, B.S. et al. The mental health of medical workers in Wuhan, China dealing with the 2019 novel coronavirus. The Lancet Psychiatry, v. 7, n. 3, 2020. DOI: https://doi.org/10.1016/S2215-0366(20)30047-X.

LIMA, C.R.M. de; SÁNCHEZ-TARRAGÓ, N.; MORAES, D.; GRINGS, L.; MAIA, M.R. Emergência de saúde pública global por pandemia de COVID-19: desinformação, assimetria de informações e validação discursiva. Revista de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 6, n. 2, p. 5-21, 2020. DOI: https://doi.org/10.46902/2020n2p5-21.

MAIA, B.R.; DIAS, P.C. Ansiedade, depressão e estresse em estudantes universitários: o impacto da COVID-19. Estud. Psicol., v. 37, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1982-0275202037e200067.

MALTA, D.C.; GOMES, C.S.; SZWARCWALD, C.L.; BARROS, M.B. de. SILVA, A.G. da; PRATES, E.J.S. et al. Distanciamento social, sentimento de tristeza e estilos de vida da população brasileira durante a pandemia de COVID-19. Saúde Debate, v. 44, n. spe4, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/SciELOPreprints.1371.

MARTINI, M.; BRANDALIZE, M.; LOUZADA, F.M.; PEREIRA, E.F.; BRANDALIZE, D. Fatores associados à qualidade do sono em estudantes de Fisioterapia. Fisioter. Pesqu., v. 19, n. 3, p. 261-267, 2012. DOI: https://doi.org/10.1590/S1809-29502012000300012.

MARTINS, A.B.T.; FALCÃO, C. de S.V.; PEREIRA, A.M.C.; CARVALHO, J.Q.; DIOGO, J. de L.; ELOY, Y.R.G. et al. Sentimento de angústia e isolamento social de universitários da área da saúde durante a pandemia da COVID-19. Rev. Bras. Promoç. Saúde, v. 33, 2020. DOI: https://doi.org/10.5020/18061230.2020.11444.

MARTINS, R.X. A Covid-19 e o fim da educação a distância: um ensaio. EmRede, v. 7, n. 1, p. 242-256, 2020. Disponível em: https://www.aunirede.org.br/revista/index.php/emrede/article/view/620.

MATSUDO, S.; ARAÚJO, T.; MATSUDO, V.; ANDRADE, D.; ANDRADE, E.; OLIVEIRA, L.C. et al. Questionário Internacional de Atividade Fisica (IPAQ): Estudo de validade e reprodutibilidade no Brasil. Rev. Bras. Ativ. Fís. Saúde, v. 6, n. 2, p. 5-18, 2001. DOI: https://doi.org/10.12820/rbafs.v.6n2p5-18.

MEO, S.A.; ABUKHALAF, A.A.; ALOMAR, A.A.; SATTAR, K.; KLONOFF D.C. COVID-19 pandemic: impact of quarantine on medical students’ mental wellbeing and learning behaviors. Pak. J. Med. Sci., v. 36, n. COVID19-S4, p. S43, 2020. DOI: https://doi.org/10.12669/pjms.36.COVID19-S4.2809.

MONTE, J. do C.A. do. Correlação entre a qualidade do sono e o nível de atividade física em estudantes universitários. 2019. 38 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Educação Física) - Departamento de Educação Física, Universidade Federal Rural de Pernambuco, Recife, 2019. Disponível em: https://repository.ufrpe.br/handle/123456789/1801?mode=full.

MURAWSKI, B.; PLOTNIKOFF, R.C.; RAYWARD, A.T.; VANDELANOTTE, C.; BROWN, W.J.; DUNCAN, M.J. Randomised controlled trial using a theory-based m-health intervention to improve physical activity and sleep health in adults: the Synergy Study protocol. BMJ Open, v. 8, n. 2, p. e018997, 2018. DOI: http://dx.doi.org/10.1136/bmjopen-2017-018997.

ORNELL, F.; SCHUCH, J.B.; SORDI, A.O.; KESSLER, F.H.P. Pandemic fear and COVID-19: mental health burden and strategies. Braz. J. Psychiatr., v. 42, n. 3, p. 232-235, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1516-4446-2020-0008.

RODRIGUES, E.S.R., CHEIK, N.C., MAYER, A.F. Nível de atividade física e tabagismo em universitários. Rev. Saúde Pública, v. 42, p. 672-678, 2008. Disponível em: https://www.scielo.br/j/rsp/a/TsVh9XvwqYSDxbPLywjRzSh/?format=pdf&lang=pt.

SANTA CATARINA. Decreto № 525, de 23 de Março de 2020. 2020. Disponível em: https://www.sc.gov.br/images/DECRETO_525.pdf. Acesso em: 26 ago. 2021.

SANTA CATARINA. Diário Oficial de Santa Catarina. Decreto № 509, 17 de março de 2020. 2020. Disponível em: https://www.saude.sc.gov.br/coronavirus/arquivos/decreto509-17-03-2020.pdf. Acesso em: 26 ago. 2021.

SANTA-CLARA, H.; PINTO, I.; SANTOS, V.; PINTO, R. Atividade física e exercício físico: especificidades no doente cardíaco. Rev. Factores de Risco, v. 35, p. 28-35, 2015. Disponível em: https://repositorio.chlc.min-saude.pt/handle/10400.17/2154.

SCHMIDT, B.; CREPALDI, M.A.; BOLZE, S.D.A.; NEIVA-SILVA, L.; DEMENECH, L.M. Mental health and psychological interventions during the new coronavirus pandemic (COVID-19). Estud. Psicol., v. 37, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1982-0275202037e200063.

TEIXEIRA, C.F. de S.; SOARES, C.M.; SOUZA, E.A.; LISBOA, E.S.; PINTO, I.C. de M.; ANDRADE, L.R. de. et al. A saúde dos profissionais de saúde no enfrentamento da pandemia de Covid-19. Ciênc. Saúde Coletiva, v. 25, p. 3465-3474, 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/1413-81232020259.19562020.

TRIBINO, U.M. et al. Adesão às medidas de prevenção à Covid-19 no Rio Grande do Sul. Revista da AMRIGS, v. 65, n. 1, p. 44-51, 2021. Disponível em: https://www.amrigs.org.br/assets/images/upload/pdf/jornal/1625675724.pdf#page=46.

WHO - World Health Organization. Coronavirus disease (COVID-19). 2020. Disponível em: https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019/question-and-answers-hub/q-a-detail/coronavirus-disease-covid-19. Acesso em: 26 ago. 2021.

WHO - World Health Organization. Director-General's statement on IHR Emergency Committee on Novel Coronavirus (2019-nCoV). 2020. Disponível em: https://www.who.int/director-general/speeches/detail/who-director-general-s-statement-on-ihr-emergency-committee-on-novel-coronavirus-(2019-ncov). Acesso em: 26 ago. 2021.

WHO - World Health Organization. Global Recommendations on Physical Activity for Health. World Health Organization, 2018.

ZHAI, Y.; DU, X. Mental health care for international Chinese students affected by the COVID-19 outbreak. The Lancet. Psychiatry, v. 7, n. 4, p. e22, 2020. DOI: https://doi.org/10.1016/S2215-0366(20)30089-4.

ZHU, N.; ZHANG, D.; WANG, W.; LI, X. et al. A novel coronavirus from patients with pneumonia in China, 2019. N. Engl. J. Med., n. 382, p. 727-733. 2020. DOI: http://doi.org/10.1056/NEJMoa2001017.

Publicado

2022-04-01

Como Citar

Cetolin, S. F., Hammes, N. L. ., Cetolin, S. K., Beltrame, V., Fiorentin, L., & Fiorelli, K. . (2022). Alterações na vida de acadêmicos da área da saúde em isolamento social por conta da Covid-19. Scientific Electronic Archives, 15(4). https://doi.org/10.36560/15420221529